O Homem da Mão Furada


Havia um homem que outrora sem formosura alguma, veio ao mundo e buscava incansavelmente pela paz entre os homens, vivia uma rotina humilde. Homem imaculado, no mundo estava com intuito de servir e não de ser servido!

O amor e a justiça que nele havia, era incomparável, completamente honesto, sem arrogância algum, sem intenções terceiras, expressando a mais singela e agradável paz transbordante em sua face.

Homem de amor infinito, incondicional, sem fronteiras, e puro em sua plena essência...

Na insignificância de uma vida desregrada da humanidade, Ele não mediu esforços, não pensou duas vezes, ao contrario do que pensamos. E por nós então, derramou e declarou o seu mais puro e sublime amor.

Diferentemente de muitos e muitos no mundo a fora, sem compaixão, por acharem que não ha solução para os que erram, este homem de imagem simples, de semblante humilde aparentemente fraco e pobre em sua imagem, expressou em seus atos singelos a infinita compaixão que deveríamos expressar.

Ele veio nos ensinar que não devemos julgar a sorte ou o asar, que não devemos comungar com o profano, e nem tão pouco duvidar dos humildes, pois Ele mesmo, entre os humildes andou, como humilde homem e Senhor, para nos ensinar que ninguém é melhor ou pior do que o outro, pois todos somos semelhança d´Ele, que se fez homem, nos demonstrando, que para sermos grandes, antes precisamos ser pequenos, e como uma semente plantada, precisa ser regada, adubada e cultivada, para que venha de fato dar o fruto em seu tempo pleno e perfeito.

Homem que humildemente veio habitar no meio de nós, sem formosura alguma aparente, sem berço esplendido, justamente para que não o conhecessem e o amassem pelo que era por fora, e nem tão pouco, por suas posses, por sua aparência exterior, mais sim sabiamente por suas obras interiores expressando assim, o que cada um de nós precisa realmente valorizar em nosso semelhante.

Homem de tamanho amor que não nos julgou, antes porem tomou sobre Si aquilo que nenhum outro homem tomaria, nem por ti, nem por mim e nem por outro alguém...

Aquele que não mediu esforços, e que a Sua própria Glória por ti, abdicou, de maneira que nenhum outro foi capaz e por isso mesmo, venceu o mundo e a morte pois ressuscitou e é o nosso único Santo e Senhor.

Esse homem, você já deve ter descoberto quem seja?

Ele é exatamente aquele que Isaías, o profeta de Deus anunciou ao mundo que viria, o Cordeiro de Deus que veio tirar o pecado do mundo conforme a profecia, "Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e carregou com as nossas dores; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e esmagado por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados”. Isaías 53: 4-5.

Ele é o Nosso Senhor Jesus Cristo, que Vive! Aleluia!

O Rei dos Reis... Que se fez homem submetendo-se a nossa pequenez, para que igualmente pudesse tomar sobre si todos os nossos pecados, e como Cordeiro de Deus imaculado, nos outorgar o direito a Vida eterna e não ao sofrimento eterno.

Ele é o Homem da Mão Furada, e está neste momento ungindo a tua vida e existência terrena, e para que você receba as bênçãos d´Ele, é preciso submissão, a mesma que Ele teve à Deus Pai todo poderoso em prol de sua salvação.

Deus lhe abençoe rica e abundantemente!

Bp. Paulo R. Maia Clavery

#Homem #MãoFurada #Transpassado #Moido #Iniquidades #Salvação #Alma #Jesus

48 visualizações

Copyright all rights reserved © 2012 - 2020 Todos os Direitos Reservados por IIGV - Igreja Internacional Graça e Vida