JESUS É DEUS


Os Religiosos e os incrédulos, falam do Senhor Jesus como se ele fosse filho de homem e de mulher, com se ele tivesse sido apenas um homem muito inteligente, dotado de dons, caridade, humildade, compaixão, o que é claro, pois Ele veio para nos ensinar e ser exemplo de todos os dons. O que deveria ser algo natural em cada ser humano, se não ocorresse o pecado no éden. Venho alertar a todos que o Senhor Jesus é Deus, Ele é Santo e Senhor dos Céus e da Terra.

Ele não é homem, mais um dia se fez homem pelo intermédio do Espírito Santo, que o concebeu no ventre de uma mulher escolhida naquele momento, para a gestação de sua humanidade. O que o fez na Sua segunda pessoa da Santíssima Trindade, despiu-se de Toda a Sua Glória e Majestade, de Todo o Seu poder e domínio, para habitar no meio de nós, com um único propósito.

Sentir as nossas dores, fraquezas, limitações, e tudo mais que vem sobre a vida de cada ser humano, para provar a satanás, que cada um de nós, pode sim, resistir ao mal, e manter-se em santidade, na direção e veredas, que Ele mesmo nos ensinou a caminhar.

Sendo assim, o argumento dos homens incrédulos e religiosos de diminuir o Senhor Jesus a sua insignificância humana, é uma afronta a Sua Santidade, e falta de discernimento a Deidade encarnada de Deus Pai em Sua segunda pessoa.

O Senhor Jesus, aos 33 anos de idade, foi crucificado sem ter pecado algum, foi condenado por todos aqueles que um dia disseram que o amavam, mais que o entregaram-no ao martírio do Calvário, o que na verdade já estava escrito, como profetizado pelo Profeta Isaias inspirado por Deus Pai Todo Poderoso em Isaías 53:4-5 "Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados".

O Deus Vivo, veio submeter-se às nossas afrontas, pecados, ódio, abominações, iniquidades, enfermidades e todo o tipo de mal que assola a humanidade desde o Éden, por amor incondicional, como escrito em João 3:16 "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna".

Então Ele Ressuscitou ao Terceiro dia e disse aos Seus discípulos, conforme escrito em João 14:2-3 "Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também".

Sendo assim, amigo e amiga, é preciso ter temor e tremor, pois só existe um Santo e um só Senhor, o Senhor Jesus, que forma a Santíssima trindade, em Deus Pai, Deus Filho e Deus Espirito Santo.

Não confunda mais a sua mente, e não se deixe levar mais pelos devaneios e conveniências, humanas ao eleger santos na terra, porque não há, como o próprio Deus declarou nos dez mandamentos escritos em Êxodo 20:3-5 "Não terás outros deuses diante de mim. Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam".

Portanto, Só Ele é Santo. Aleluia!

Somente o Senhor Jesus foi capaz de pagar com o seu próprio sangue a satanás, a libertação, a cura, e a salvação de nossas almas. Porque Jesus é Deus.

Do mais, é preciso que todos os incrédulos, religiosos e ateus, venham a esvaziar-se de sua arrogância, abrir o coração e a mente, e receber o Senhor Jesus como o seu Único, Suficiente, Salvador, Santo e Senhor de suas vidas, antes que pereçam e sejam condenados ao lago de fogo e enxofre, onde conscientemente, todos os que não receberem o Senhor Jesus, serão lançados fora, junto de satanás seus demônios em tormento perpétuo. Na chama que nunca se apagará e na dor que nunca sessará.

Por fim, vos digo como está declarado no Livro da vida, que esta é a segunda e definitiva morte, consciente em dor e desespero para todo o sempre.

Assim eu encerro a este texto, dizendo pra você que ainda há tempo de receber o Senhor Jesus como o teu único Deus Santo, Senhor e Salvador, mais isso só é possível, enquanto você está vivo, e enquanto o Senhor Jesus não volta para o arrebatamento das nações.

Emunah, Shalom Adonay Yeshua! bispo. Paulo R. Maia Clavery


0 visualização

Copyright all rights reserved © 2012 - 2020 Todos os Direitos Reservados por IIGV - Igreja Internacional Graça e Vida